Olá, seja bem-vindo(a,e) ao meu mundo!

 Se está aqui é porque teve algum chamado!? Creio que a vida é feita de conexões e sentimo-nos atraídos. Como seres energéticos, vibramos com notas próprias. Atraindo ou repelindo seres semelhantes, criamos elos ou muralhas protetivas. 

Neste espaço estarei "nua" para seus olhos, e isso você verá mais precisamente em meu livro a ser publicando em 2024/outubro. Curioso dizer à um estranho que estarei nua, exposta sem filtros. Talvez seja um indicador de crescimento pessoal, atingindo algum grau de sabedoria. Certamente, a maturidade nos leva a tomar a decisão de viver sem máscaras, e revelá-las passa a ser um processo necessário, embora doloroso. Na catarse intima, você leitor estará para sua leitura. 

Na evolução biológica, emocional, o futuro da espécie Homo Sapiens sapiens é incerto, já que o conceito está além da massa corporal. Nesse sentido questiono se estamos evoluindo efetivamente? 

Quais marcas do passado ainda estão presentes no homem atual? O quanto evoluiu?

Qual a percepção do homem contemporâneo frente ao seu olhar para o Mundo e para si?

O Homem está para um tipo de evolução hibrida?

As emoções nas conexões das redes sociais assumem o papel da interação presencial, distorcendo o que a evolução demonstrou como vantagem à raça, o diálogo racional das emoções e sentimentos.

Na falta do olhar atento, empático, do toque e gesto amigo, surge o homem Narciso, num confronto voraz com a imagem real. Novamente questiono:

"As questões de vida e morte, parecem dialogar com o não aceite da própria imagem. Já que vivemos num duelo, entre as guerras externas e internas, reveladas em avalanches de dores ante ao bem-viver, da paz e harmonia com a Natureza e nossa própria essência. Uma escolha?"

 Com o esforço para a busca do autoconhecimento, como um campinho da espiritualidade, aqui exercito a motivação para do olhar empático, do amor humano e do respeito ao meu próximo - VOCÊ! Gratidão por estar comigo. Adriana Helena Moreira

Bióloga, Mestre e Doutora em Ciências. Especialista em Neurociência e Comportamento. Mestranda em Psicanálise,  formação em psicanálise clinica/Trauma e Tanatologia.